Município de Itaporã do Tocantins-TO

História do Município

História do Município

 O Município de Itaporã do Tocantins está localizado na Mesorregião Ocidental do Tocantins e na microrregião de Miracema do Tocantins, bacia do Araguaia, na Amazônia Legal Tocantinense, com coordenadas geográficas de -8° 5674 de latitude e -48° 6916 de longitude, com altitude de 350 metros. Tem como primeiros habitantes; Raimundo de Sousa Bastos, Antônio da Serra, Vitor da Serra, Apolinário Ribeiro Leite, Isidório Ribeiro Leite, José Teixeira Reis e Manoel Sobrinho.
Os primitivos habitantes de Itaporã do Tocantins, instalaram-se na região, na década de 1940 a 1950, existia uma pequena povoação, cujos moradores dedicavam-se, principalmente, à extração de cristal de rocha, abundante no local. As Pessoas conhecidas como fundadores do povoado são os senhores Isidoro Teixeira e Domingos Batista Oliveira que transformaram o aglomerado de casebre de garimpeiros em Povoado.
 Segundo consta, até 1948, algumas pessoas possuidoras de pequenas glebas, ocupava as circunvizinhanças, cultivando pequenas áreas. As terras da localidade denominavam-se então Ponta da Serra. Nos meados de 1941, um caçador, cujo nome é IsidórioTeixeira, encontrou dentro de um buraco de tatu, uma grande pedra de cristal de rocha. A notícia espalhou-se rapidamente e já nos primeiros meses do ano seguinte, o povoado crescia celeremente. Sabe-se que os primeiros moradores de Ponta da Serra, foram os familiares do senhor Isidório Teixeira, entre os quais se ressalta o seu sogro. Moravam todos em casas cobertas de folha de babaçu de paredes de taipa e piso de serra socada. Em 1956, pela Lei nº 058, de 10 de abril, o povoado de Ponta da Serra foi elevado à categoria de distrito com o nome de Itaporã.

A partir daí surgiu a necessidade da organização de governo, que na época era distrito de Araguacema, período este, em que ocorreu conflitos para a determinação de quem ia governar. Então foi elevado à categoria de Município pela Lei Estadual nº 4.652, de 8 de outubro de 1963, com o topônimo de Itaporã de Goiás, e sua instalação ocorreu no dia 1º/01/1964. Com a criação e instalação do Estado do Tocantins, o Decreto Legislativo nº 01/89, de 1º de janeiro de 1989, no Art. 4º, alterou o nome de Itaporã de Goiás para Itaporã do Tocantins. A origem do nome vem do Tupi-guarani (prefixo) ITA=pedra + (sufixo) PORÃ=bonita, daí Itaporã = Pedra Bonita. Realmente, Itaporã surgiu de um garimpo de cristal, que é uma pedra bonita. Está localizado a 253 km de Palmas e a 1.006 Km de Brasília. Nesse mesmo período foi quando Itaporã teve seu primeiro prefeito nomeado o Senhor Domingos Batista de Oliveira que governou entre 17/03/1964 a 09/02/1965, na época não tinha vereadores. O segundo prefeito nomeado foi o Senhor Alonso Cortez Nunes que governou de10/02/1965 a 31/01/1966. Já o primeiro prefeito eleito foi o Senhor Raimundo Rodrigues Coimbra, tendo como vice-prefeito o senhor Joaquim Freitas da Silva que tomou posse no dia 1º  de janeiro de 1966, e os primeiros vereadores foram: Inácia Sousa Silva, Abdias Bispo de Sousa, Ananias Pereira dos Santos, Cícero Ribeiro Leite e Antônio Vieira Dias.

Logo depois da emancipação, Itaporã recebeu vários imigrantes advindos de outros estados como: Maranhã, Piauí, Ceará, Bahia e entre outros.

Com a divisão do Estado de Goiás em 05 de outubro de 1988, Itaporã de Goiás que fica na região norte do Estado, passou a ser Itaporã do Tocantins.

Fonte:

Prefeitura Municipal

 

Download da História do Município

Área Territorial:

918,916 km2

População estimada:

0 Habitantes

Gentílico:

ITAPORANENSE

Índece de Desenvolvimento (IDHM):

0,650 Fonte IBGE

Aniversário:

08 de outubro

Fundação:

1963
Acesse o seu e-mail através do Webmail